Você Não Precisa de Permissão Para Agir

Vivemos num mundo em que estamos habituados a pedir permissão para tudo. Em casa, os nossos pais nos ensinam a pedir permissão antes de usar ou fazer algo. Na escola somos também educados a pedir permissão para fazer isto ou aquilo.

Além disso, a sociedade no geral parece estar programada a pensar e a fazer as coisas do mesmo jeito. De tal maneira, que muitos não se atrevem a fazer algo sem que tenham permissão para tal.

Existem muitas formas pelas quais a ideia de que precisamos de permissão é apresentada. Mas por vezes, muitas dessas ideias não tem nenhum fundamento sequer, todavia, elas têm o poder de paralizar a ação das pessoas.

Muita gente vive apresentando desculpas para não fazer isto ou aquilo. E essas desculpas vêm na forma de não estou preparado, não tenho as qualificações necessárias, ainda preciso estudar mais, não tenho este título ou aqule, quem sou eu? Não sou um perito na área, e assim a lista continua.

Como pode perceber, todas essas desculpas são formas de dizer que precisa de permissão para agir. E essa permissão quem pode nos dar deve ser alguma instituição, família, ou até um grupo de amigos.

Mas será? Será mesmo que é necessário que essas pessoas tem todo esse poder sobre si a ponto de poder paralizá-lo? Muitos estão inertes na vida porque estão a espera do momento certo para agir. Estão a espera até que certas pessoas as reconheçam ou lhes dê o aval para poder agir.

Quando fazemos isso, praticamente estamos a dizer que não somos livres. Estamos a dizer que não podemos agir sem que nos dêm permissão. Estamos a dizer que dependemos de terceiros para podermos realizar o que mais gostariamos de fazer na vida.

Seja isso escrever um livro, criar um blog, gravar as suas músicas, começar a pintar, tornar público a sua invenção, criar algo que sabe que irá impactar a vida de alguém e lhe dar satisfação. Mas será mesmo que precisa de permissão?

Porque está dando tanto poder a pessoas ou grupo de pessoas para que decidamo o rumo da sua vida. Lembre-se que você não pediu permissão para vir ao mundo, não pediu permissão para crescer, não pediu permissão para sonhar. E se isso é verdade, então, não precisa de permissão para criar.

Deixe para trás todo o tipo de desculpas e começe a criar. É verdade sim, que muitos não irão concordar consigo, alguns irão até lhe criticar, outros farão pouco de ti e das suas criações. Mas só gente medíocre é que faz isso, só gente que não ousa criar como você é que terá algo negativo para dizer.

Mas o bom de tudo é que nesse processo, você irá atrair para o seu lado pessoas que acreditam em si, irá inspirar alguém a se tornar melhor, irá encorajar alguém a sair da lama e a prosseguir na vida.

Nunca sabemos qual é o impacto que a nossa decisão de criar irá ter na vida das pessoas, até que comecemos a criar. Portanto, não espere até que alguém conconrde consigo, não espere até que alguém lhe dê permissão, não precisa esperar por ninguém, o mundo já esperou tempo suficiente para que você se manifeste.

Por isso, é tempo de agir. Você não precisa de permissão de ninguém. Vá já escrever o seu livro, crie o seu blog, produza a sua música, pinte o seu quadro, ecreve o seu código, crie o seu aplicativo, crie o seu currículo, comece o seu negócio. Simplesmente não fique a espera que alguém lhe dê permissão, porque ninguém lhe vai dar.

Sendo assim, é tempo de agir e de parar de se desculpar. Basta de escapismos, e chega de tolerar a mediocridade. Come a criar já, porque você não precisa de permissão.

%d bloggers like this: